19.7 C
Lisboa
Segunda-feira, Julho 4, 2022

Valve proíbe modder de Cities: Skylines acusado de esconder código malicioso em mods

Must read



Se você usou Cidades: mods Skylines de um usuário conhecido como Chaos ou Holy Water, provavelmente vale a pena cancelar a assinatura deles, como um post no subreddit Cities: Skylines explica.

Chaos carregou uma versão redesenhada do Harmony (uma biblioteca de patches originalmente criada para RimWorld que agora é uma estrutura utilizada pelas comunidades de mods de vários jogos), seguindo com versões redesenhadas de outros mods como Network Extensions e Traffic Manager que exigiam Harmony (Redesigned ) também ser instalado. E aparentemente foi aí que o problema começou.

Como um moderador da comunidade disse ao NME, um dos mods do Chaos disparava mensagens de erro falsas quando detectava que a versão original do Harmony estava sendo executada como uma forma de incentivar os jogadores a baixar o Harmony (Redesigned). Esse mod, eles continuaram explicando, continha um atualizador automático que poderia, se os jogadores executassem o jogo como administrador, ser usado para instalar remotamente “keyloggers, vírus, software de mineração bitcoin – literalmente qualquer coisa”.

O mod também bloqueou o acesso de Steam IDs pertencentes a outros modders, membros conhecidos da comunidade e funcionários do desenvolvedor Colossal Order, supostamente como forma de impedir que seu código fosse examinado. “O que foi implementado permitiria que ele bloqueasse várias máquinas, criasse uma botnet (e DDoS seus inimigos?) ou minera criptomoeda”, acrescentou a fonte do NME.

A Valve já havia banido o Chaos do Steam para membros doxxing da comunidade Cities: Skyline, mas ele retornou sob o nome de Holy Water. Essa conta também foi banida e vários dos mods foram removidos da Oficina Steam – embora nem todos. O Postagem do Reddit inclui uma lista atualizada, bem como um guia para desinstalar e substituir os mods com segurança.

Desde então, o caos voltou ao Steam pela terceira vez e agora está alegando ser vítima de uma campanha de ódio organizada por um gerente da comunidade Colossal Order que ele chama de “Rainha dos Trolls”. Ele também diz que encontrou um keylogger embutido em Cities: Skylines que está “exfiltrando seus dados para o Paradox Online Publishing Services”.



Fonte deste Artigo

- Advertisement -spot_img

More articles

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -spot_img

Latest article