22.5 C
Lisboa
Sábado, Julho 2, 2022

Quais doenças atacam as plantas de dália e como controlá-las

Must read


Com apenas 42 espécies, mas mais de 57.000 cultivares, há uma dália (DAL-ee-a) para todos os gostos.

Essas plantas incríveis podem ser bem fáceis de cuidar e produzem flores pesadas que variam em tamanho e forma, de pequenos pompons a pratos do tamanho de girassóis.

Flor colorida da dália

Mas mesmo as melhores plantas podem às vezes adoecer, e as dálias não são exceção.

Quais doenças afetam as dálias?

Há uma grande variedade de doenças potenciais que podem afetar uma dália.

Aqui estão os que devem ser especialmente observados.

  • Aster Amarelos: Esta doença peculiar é transmitida por cigarrinhas e é incurável.
  • Botrytis Blight: Este fungo prefere clima nublado e úmido e pode se tornar mortal se não for tratado.
  • Coroa e folha galha: Essas doenças incuráveis ​​têm efeitos semelhantes, mas em diferentes partes da planta.
  • Vírus da mancha necrótica Impatiens (INSV): Transmitida por tripes, esta doença é incurável e altamente agressiva.
  • Vírus do mosaico: Existem muitos tipos de vírus do mosaico, mas todos são incuráveis ​​e serão herdados através de todos os métodos de propagação.
  • Oídio: Esse fungo irritante geralmente surge na melada, o resíduo de pragas perfurantes, como pulgões e cochonilhas.
  • Podridão da raiz e do caule: Essas duas doenças mortais podem ser causadas pelos mesmos fungos, bem como por causas fúngicas ou bacterianas independentes. A maior causa dessas duas infecções além do solo contaminado é o excesso de água no solo ou no caule.
  • Murcha de Verticílio: Essa doença incurável geralmente afeta apenas plantas já enfraquecidas e pode ter sintomas semelhantes à podridão radicular.

Que danos as doenças da dália causam?

Aster amarelos é uma doença incurável onde a planta crescerá folhas em vez de botões.

Embora não mate a planta, você provavelmente não comprou sua dália estritamente pela folhagem.

Enquanto isso, o vírus do mosaico às vezes pode ser considerado atraente e até levou à mania da “tulipomania” na Holanda do século XVII.

Isso pode fazer com que as folhas e flores fiquem descoloridas e distorcidas e geralmente resultará no anão da planta.

As galhas são crescimentos anormais que se desenvolvem na planta e podem levar a infecções adicionais.

O INSV pode ter uma ampla gama de sintomas, muitas vezes dificultando o diagnóstico.

Algumas infecções fúngicas, como o oídio, são amplamente cosméticas, mas podem enfraquecer a planta, dificultando a fotossíntese.

Isso pode levar a uma maior suscetibilidade a outras infecções ou infestações.

Enquanto isso, a praga de botrytis (às vezes chamada de mofo cinza) infectará os caules e lentamente descerá pela planta.

Se não for tratado cedo o suficiente, pode matar a planta.

A podridão e a murcha do verticillium têm sintomas semelhantes.

Ao entupir as raízes, a planta não consegue obter água e nutrientes, fazendo com que as folhas morram.

A podridão do caule afeta a planta ao contrário, matando o caule e descendo até os tubérculos.

Tanto a podridão fúngica do caule quanto a podridão da raiz são tratáveis ​​se detectadas cedo o suficiente, mas a murcha do verticillium e a podridão bacteriana do caule são uma sentença de morte para sua planta e continuarão a infectar o solo por muito tempo depois que a planta for arrancada.

Como controlar as doenças da dália?

Infelizmente, qualquer planta que contraia uma doença incurável deve ser completamente destruída e o solo esterilizado ou descartado.

Os fungicidas funcionam na maioria das infecções fúngicas, especialmente as tópicas.

  • Para algumas infecções fúngicas, como a podridão fúngica do caule, as partes infectadas da planta devem ser podadas antes que se espalhem para o tecido saudável.
  • Os sprays foliares de neem funcionam bem contra muitas infecções de superfície, enquanto a imersão do solo de neem pode ajudar a afastar infecções que rompem a superfície da planta.
  • Aplique um ou ambos a cada 2 semanas como preventivo.

Claro, nada supera o cuidado adequado quando se trata de prevenir essas doenças.

Verifique suas plantas regularmente quanto a sinais de infestação e trate as plantas infestadas rapidamente.

Certifique-se de usar o método de rega de imersão e secagem para plantas de interior e exterior, tomando cuidado para não molhar as folhas ou caules ao regar.

Finalmente, ao comprar terra para vasos ou produtos similares, nunca compre uma marca barata, a menos que tenha reputação de esterilizar o solo.

É esse passo importante que as empresas obscuras pulam para manter os custos baixos.

Ao comprar barato, certifique-se de que é uma empresa respeitável, como a Miracle-Gro, ou você pode infectar involuntariamente suas dálias.



Fonte deste Artigo

- Advertisement -spot_img

More articles

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -spot_img

Latest article